Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
Scroll to top

Top

3 Commentários

A facada que acabou com o PT

A facada que acabou com o PT

Qualquer que seja a consequência do atentado de 6 de setembro à saúde do candidato Jair Bolsonaro, há uma vítima flagrante neste episódio brutal e absurdo – o destino do PT nas eleições presidenciais. Pode-se comparar o ocorrido com o desfecho do sequestro do empresário Abilio Diniz, às vésperas do segundo turno do pleito de 1989. Quando os sequestradores foram apresentados à imprensa, portavam material de campanha do PT. Se era verdade ou não, isso passou a ser irrelevante. A percepção do eleitorado foi a de que a agremiação de Lula, de alguma maneira, estava envolvida naquele crime. Este caso é semelhante. É impossível acreditar que algum dirigente do PT tenha orientado o agressor a atentar contra a vida de Bolsonaro. Mas as evidências de que o autor da facada é alguém de esque rda são inegáveis. E a vítima eleitoral, neste caso, é Fernando Haddad. Sua candidatura sofreu um revés irrecuperável. Não é à toa que a Bolsa disparou logo após a divulgação do atentado. Os olhos do país, agora, se voltam a Juiz de Fora, onde o deputado Jair Bolsonaro é operado. O resultado desta cirurgia será crucial para definir o destino do país.

Comentários

  1. Maria Ferreira

    Tudo agora tem o dedo do PT??? Que absurdo, ja foi dito no JN q o autor da facada era filiado ao Psol e detestava politicos 😲E mesmo q fosse petista nao quer dizer necessariamente q foi a mando do PT! CHEGA DE PERSEGUIÇAO E INJUSTIÇA A LULA😢😢😢😢

  2. Wilton G. Bolsoni

    Criar uma onda de incitação ao ódio ou ideologias é a pior opção para uma nação. Dividi-la só interessa àqueles que buscam lucrar com a miséria e com o caos. Ações próprias de ditadores. O radicalismo é cruel e não tem limites. Envolvem mentalmente seus militantes tornando-os zumbis social, sem discernimento ou vontade própria. Aliena o individuo a ponto deles se submeterem a qualquer forma de tortura, ao custo da própria vida se preciso for. O idealismo radical suga o indivíduo e tira dele o sentido da coletividade, do convívio entre a diferentes formas de ser e pensar; prosseguem praticando ações terroristas, roubando carros fortes, bancos, sequestrando, chantageando, associando-se ao narcotráfico e até assassinando.
    O atentado ao futuro presidente Bolsonaro mostra a face real daquilo que estamos vivendo: uma ditadura velada, que segundo líderes extremistas será mantida “custe o que custar”; “a qualquer preço”; como já foi dito por um desses líderes doentio, “eles não sabem do que somos capazes de fazer”. Não se limitam a destruição do patrimônio público, ou das instituições democráticas, dos princípios constitucionais e das instituições. Agem contra pessoas e suas reputações, cooptando partidos e seus membros, assolando regiões com seus “favores” e promovendo o teatro dos horrores com o chamado “pão e circo”. Anulam o povo submetendo-os à ignorância.
    A Policia Federal e o Serviço de Inteligência das Forças Armadas estarão investigando esse atentado, que certamente, não será o ultimo que veremos nos próximos dias e pós eleição do Bolsonaro mas, certamente, conheceremos os responsáveis em muito breve.

  3. Um bandido que faz campanha para Dilma do PT quis matar Bolsonaro.
    Muitos petistas em rede social incentivavam isto.
    Podemos concluir que politicos petistas incentivaram ou foram negligentes com a tentativa de homicídio.
    Aqui comigo acho que foram responsáveis pela ação.

Envie seu comentário