PATROCINADORES

A Argentina não oficializou a linguagem neutra

MONEY REPORT escolheu como a Fake News da Semana a afirmação feita por Jair Bolsonaro, desmentida pela embaixada da Argentina no Brasil, de que o país teria oficializado o uso da linguagem neutra. “O governo do presidente Alberto Fernández não proíbe, mas jamais oficializou o uso da linguagem inclusiva no país”, disse a embaixada à coluna da jornalista Mônica Bergamo, da Folha de S. Paulo. “Pelo contrário: o tema segue gerando debate e a linguagem já foi até mesmo proibida nas escolas de Buenos Aires, a capital do país”, completou a representação diplomática.  

A afirmação de Bolsonaro foi publicada nas redes sociais na segunda-feira (2). Na ocasião, ele disse lamentar “a oficialização da ‘linguagem neutra’ pela Argentina”. “No que isso ajuda o seu povo? A única mudança provocada é que agora há ‘desabastecimente’, ‘pobreze’e ‘desempregue’. Que Deus proteja os nossos irmãos argentinos e os ajude a sair dessa difícil situação”, ironizou em seguida. 

Nos últimos meses, alguns órgãos do país emitiram recomendações para o uso de termos e palavras não sexistas em documentos oficiais, mas não se tratou de decisão e nem de uma obrigação. Apesar de alguns órgãos e ministérios terem recomendado o uso da linguagem neutra, o assunto é alvo de controvérsia na Argentina.

Compartilhe

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Pergunte para a

Mônica.

©2017-2020 Money Report. Todos os direitos reservados. Money Report preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe.