Document
PATROCINADORES

Swap capta R$ 135 milhões em rodada liderada pela Tiger

Com a proposta de ser uma fábrica de fintechs no mercado brasileiro, a Swap atraiu um aporte de R$ 135 milhões. A rodada de investimentos de série A foi liderada pela Tiger Global e teve a participação dos fundos OneVC, GFC e Flourish (que já investiam na empresa), além dos investidores-anjo Justin Mateen (fundador do Tinder) e Rahul Mehta (managing partner da DST Global). Antes disso, a empresa havia captado R$ 17 milhões.

Fundada em 2018 pelos empreendedores Douglas Storf, Ury Rappaport e Alexandre Takinami, a Swap começou oferecendo a outras fintechs e bancos digitais brasileiros um serviço de emissão e processamento de cartões pré-pagos. Ao longo do último ano, a empresa expandiu sua atuação, oferecendo às companhias clientes a possibilidade de entrar no mercado de benefícios flexíveis e de crédito.

Os novos produtos ajudaram a empresa a atrair clientes como as fintechs OpenCo, Vee e Valuu, aumentando sua base em 300% no último ano. A receita também cresceu. Segundo o presidente Douglas Storf, o faturamento dobrou a cada trimestre e o volume processado cresceu 30% ao mês no último semestre.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.