PATROCINADORES

Siemens adquire Brightly por US$ 1,9 bi

Nova empresa produz softwares em nuvem para manutenções antecipadas em condomínios residenciais e corporativos

A norte-americana Brightly foi adquirida pela Siemens por US$ 1,88 bilhão. Divulgado nesta segunda-feira (27), foi o mais recente movimento do grupo almão para ampliar sua participação no setor de software. Os termos do acordo, que deve ser fechado no segundo semestre de 2022, incluem US$ 1,58 bilhão em dinheiro adiantado e US$ 300 milhões em parcelas.

Controlada pelo fundo de private quity Clearlake Capital, a Brightly é sediada na Carolina do Norte e produz softwares baseados em nuvem que analisam dados de sensores externos para determinar manutenções antecipadas em sistemas condominiais residenciais e corporativos. “A aquisição de hoje reforça nossas metas de crescimento, especialmente para receita digital e software como serviço”, disse o presidente-executivo da Siemens, Roland Busch, em comunicado.

A empresa alemã informou que o acordo irá complementar suas ofertas digitais e a colocará em uma posição forte para atender o mercado de software em rápido crescimento para edifícios e infraestrutura construída. “A Brightly nos permitirá avançar para o próximo nível de desempenho para edifícios”, afirmou o executivo-chefe da Siemens. A aquisição também faz parte da ambição da Siemens de crescer mais rápido do que rivais, como Schneider Electric, Alstom e General Electric.

Compartilhe

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Pergunte para a

Mônica.

©2017-2020 Money Report. Todos os direitos reservados. Money Report preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe.