Document
PATROCINADORES

Robô Lysa será guia de deficientes visuais em shopping

Um robô desenvolvido no Espírito Santo auxilia deficientes visuais na realização de tarefas simples do cotidiano. O cão-guia Lysa é produzido pela Vixsystem, startup sediada em Serra, região metropolitana de Vitória. A empresa recebeu R$ 2,8 milhões da Financiadora de Estudos e Projetos (Finep) e da Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Espírito Santo (Fapes) para deixar o dispositivo em condições de operação.

Companhias como Petrobras, Vivo e Shopping Vitória estão entre as interessadas em adquirir o equipamento.  O shopping, por exemplo, vai colocar duas unidades para atender deficientes visuais que desejem circular pelas instalações sem ajuda humana.

O Lysa é uma criação da bacharel em ciências da computação Neide Sellin. Segundo ela, dar dignidade e segurança para quem tem deficiência foi fundamental na hora de criar a startup, em 2014. “De lá para cá, entramos em um grande processo de desenvolvimento e enfrentamos diversos desafios. Para nós, o marco de nossa trajetória é a conquista desses investimentos privados”, comentou.

Com a verba, a empresa pretende fazer melhorias tecnológicas em Lysa, que começaria a deixar de ser um protótipo para ganhar mais algoritmos de inteligência artificial, ganhando uma navegação mais autônoma para o usuário. Atualmente, o cão-guia robótico é comercializado em parceria com clínicas e institutos, pois os usuários ainda precisam receber treinamento. A Vixsystem conta hoje com 14 profissionais de desenvolvimento.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.