Document
PATROCINADORES

Nota aumenta, mas Brasil cai em ranking que avalia ambiente de negócios

O Brasil caiu da 109ª para a 124ª posição no tradicional ranking “Doing Business”, do Banco Mundial, que avalia a facilidade de fazer negócios em 190 economias. O resultado decepciona, mas é preciso fazer algumas ponderações. No geral, a nota brasileira foi calculada em 59,1, enquanto no ranking do ano passado ela foi de 58,6. O que explica o recuo se a nota aumentou? A explicação é simples: os outros países tiveram mais avanços, o que foi suficiente para que ultrapassassem o Brasil. Carlos da Costa, secretário especial de Produtividade, Emprego e Competitividade, faz outra ressalva. Segundo ele, os dados foram coletados entre fevereiro e março, período em que a agenda de reformas estava apenas começando.

“A diminuição da taxa básica de juros a um nível recorde, a retomada da geração de empregos, a lei da liberdade econômica, a aprovação do Cadastro Positivo e a aprovação da reforma da Previdência são alguns exemplos de que o Brasil mudou de rumo”, afirmou, em nota, a secretaria comandada por Costa.

Mesmo assim, é preciso dizer que o país está muito longe de chegar ao time dos 50 primeiros colocados, conforme meta estabelecida pelo presidente Jair Bolsonaro para o seu mandato.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.