Document
PATROCINADORES

Governo defende ação social da Ford após fechamento de fábrica

Reportagem publicada neste sábado (9), pela Folha, revela que representantes do governo federal defenderam ações sociais mais firmes da Ford após a montadora anunciar o fechamento de sua fábrica em São Bernardo do Campo, em reunião que contou com a presença de membros da empresa, da União e dos governos estadual e municipal. Como a companhia foi beneficiada com R$ 7,5 bilhões em subsídios nos últimos cinco anos – apenas pela administração federal -, membros do poder público acreditam que a empresa deve arcar com o impacto social e econômico do fechamento. Segundo o jornal, a Ford discorda dessa visão e defende que sua responsabilidade deve recair sobre os funcionários afetados com a medida.

Por que é importante

A discussão ocorre no momento em que o governo Bolsonaro analisa os subsídios concedidos a empresas no Brasil. Na visão da gestão, o Estado deveria diminuir os incentivos para grandes companhias

Quem ganha

Afetados direta ou indiretamente pelo fechamento da unidade em São Bernardo do Campo

Quem perde

A Ford, que pode ser obrigada a desembolsar uma quantia superior ao previsto inicialmente

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.