PATROCINADORES

Fusão entre Suzano e Fibria cria gigante da celulose

As duas maiores produtoras de celulose de eucalipto do mundo anunciaram a fusão. Acionistas controladores da Fibria aceitaram a proposta da rival Suzano Papel e Celulose. O negócio teve aval dos dois maiores acionistas da Fibria: BNDESPar (braço de investimento do BNDES) e Votorantin. O BNDESPar receberá R$ 8,5 bilhões, bem como ações na nova empresa.

Por que é importante

A transação está sujeita à aprovação das autoridades antitruste

Quem ganha

A fusão criar o maior produtor mundial de celulose, com controle de 16% do mercado

Quem perde

A empresa Paper Excellence, que perdeu a concorrência mesmo após elevar a proposta

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Uma resposta

  1. Uma grande e lucrativa inovadora mas se acarretar em algum maleficio com a natureza nao sei se pode dar continuidade. Mas se nao acredito que ao longo tempo com mas exploracao e testes onde possa ter um resultado alem e um grande avanco pro mundo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.