Document
PATROCINADORES
PATROCINADORES

Estimado em US$ 41 bi, Nubank é o mais valioso da América Latina após IPO em NY

O banco digital Nubank abriu seu capital na bolsa de Nova York, nos Estados Unidos. Os investidores avaliaram a empresa em US$ 41,5 bilhões (R$ 231,45 bilhões) na oferta pública inicial de ações (IPO) realizada na quarta-feira (8). O valor ultrapassa Itaú, que vale US$ 37,7 bilhões (R$ 210,26 bilhões), Bradesco (R$ 185 bilhões), Santander Brasil (R$ 123 bilhões) e Banco do Brasil (R$ 93 bilhões), segundo os dados da consultoria Economatica. Sendo assim, o Nubank se tornou a instituição financeira mais valiosa da América Latina. Apesar do alto valor, o banco pretendia ser avaliado em US$ 50 bilhões. Suas ações serão comercializadas na bolsa a partir desta quinta-feira (9) com o símbolo ‘NU’, por US$ 9 (R$ 50,19) cada.

A oferta está sendo liderada por Morgan Stanley, Goldman Sachs Group e Citigroup. A fintech foi fundada em 2013 pelo colombiano David Vélez, pela brasileira Cristina Junqueira (ao lado) e pelo americano Edward Wible. Em outubro, o banco reportou lucro de R$ 76 milhões no primeiro semestre em suas operações no Brasil, após atrair mais clientes para seu cartão de crédito. No mesmo período do ano anterior, o Nubank contabilizou prejuízo de R$ 95 milhões.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.

©2017-2020 Money Report. Todos os direitos reservados. Money Report preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe.