Document
PATROCINADORES

Chineses não estão nem aí para a crise brasileira

Nem só de notícias negativas vive a economia brasileira. Apesar da avalanche de problemas – incertezas eleitorais, infraestrutura sofrível, desemprego alto –, os chineses se voltam cada vez mais para o país. No primeiro semestre, os investimentos da China confirmados no Brasil alcançaram US$ 1,343 bilhão, ou quatro vezes acima do volume contabilizado no mesmo período do ano passado. Os chineses parecem não estar nem aí para a crise dos últimos anos. De 2003 a junho de 2018, as empresas do país da Muralha investiram quase US$ 54 bilhões em cerca de 100 projetos no Brasil, segundo dados do Ministério do Planejamento.

Por que é importante

A China é o maior parceiro comercial do Brasil

Quem ganha

Os novos setores que entraram na mira dos chineses. Antes de 2015, os fundos chineses estavam focados no setor de alimentos e energia. Agora, buscam oportunidades também nas telecomunicações, na área automotiva e serviços financeiros.

Quem perde

Os Estados Unidos, que estão perdendo espaço no comércio global graças às intransigências do presidente Donald Trump

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.