Document
PATROCINADORES

Ghosn é destituído do conselho de administração da Nissan

Os acionistas da Nissan aprovaram nesta segunda-feira (8) a destituição de Carlos Ghosn do conselho de administração da montadora japonesa. A notícia vem quatro dias após o executivo nascido no Brasil ser preso pela segunda vez no Japão, acusado de usar recursos da empresa para enriquecer indevidamente. Dessa maneira, o ex-presidente da aliança Renault-Nissan-Mitsubishi teve os últimos laços com a companhia cortados. Ghosn também é acusado pela justiça do Japão de sonegar impostos.

Por que é importante

Carlos Ghosn salvou a Nissan da falência e foi responsável pela aliança mundial com a Renault e a Mitsubishi. Sua prisão chocou o mundo dos negócios

Quem ganha

A justiça japonesa, que acusa o executivo por uma série de crimes

Quem perde

Ghosn, em situação cada vez mais complicada

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.