Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
Scroll to top

Top

Nenhum comentário

BRF deve perder R$ 45 milhões após Arábia Saudita vetar frigoríficos

BRF deve perder R$ 45 milhões após Arábia Saudita vetar frigoríficos

A BRF informou nesta quarta-feira (23) que estima perdas de até R$ 45 milhões após a Arábia Saudita barrar a importação da carne de frango de alguns frigoríficos brasileiros. A empresa dona de marcas como Sadia e Perdigão teve duas plantas descredenciadas pelo país árabe: Lajeado (RS) e Jataí (GO). Contudo, apenas a primeira vinha exportando para os sauditas. Apesar disso, a perda de receita líquida seria de apenas 0,1% do que foi faturado pela companhia nos últimos 12 meses. As ações da BRF tiveram queda de 5,02% na terça (22), quando os sauditas anunciaram as restrições, mas subiram 2,11% na quarta (23), em movimento de correção.

Por que é importante
A medida da Arábia Saudita foi vista por alguns analistas como um aviso ao governo brasileiro, que pode transferir a embaixada brasileira em Israel para Jerusalém. A mudança prejudicaria as relações políticas e comerciais com os países árabes
Quem ganha
Concorrentes de empresas como BRF e JBS no mercado internacional
Quem perde
Empresas que exportam carne de frango para a Arábia Saudita

Envie seu comentário