PATROCINADORES

Azul desiste de acordo para comprar ativos da Avianca Brasil

O presidente da Azul, John Rodgerson, informou nesta quinta-feira (18) que a companhia aérea desistiu da oferta de comprar parte das operações da Avianca Brasil. O executivo reclamou das rivais Gol e Latam, que entraram na disputa, e afirmou que as duas companhias agiram para evitar a concorrência na ponte aérea Rio-São Paulo.

Por que é importante

A Azul havia assinado em março um acordo não vinculante de US$ 105 milhões para compra de ativos da Avianca Brasil, incluindo slots em aeroportos e contratos de leasing de aviões

Quem ganha

Latam e Gol, que continuam na briga pelos ativos da Avianca

Quem perde

A Avianca Brasil, que passa por recuperação judicial e vem perdendo aeronaves e cancelando rotas

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.