Document
PATROCINADORES
PATROCINADORES

Americanas cresceu 22% desde o início do ano

Companhia inaugurou 28 novas lojas, totalizando 3.581 unidades e soma uma base ativa de 52 milhões de clientes

A rede de varejo Americanas registrou crescimento de 22% no primeiro trimestre de 2022 na comparação com os primeiros três meses do ano passado. A expansão é reflexo da boa performance em todas as plataformas de negócios, com o físico crescendo 27% e o digital, 20%, mesmo diante de uma base forte de comparação (+89% no primeiro trimestre de 2021). A rentabilidade também foi destaque no período: o Ebitda cresceu 58%, atingindo R$ 660 milhões, o maior valor da história para o período.

A base ativa de clientes da rede totalizou 52 milhões no período. A companhia ampliou seu sortimento em 37% nos últimos doze meses, totalizando 136 milhões de ofertas disponíveis. A baixa dependência de algumas categorias de tíquete médio alto, somada à alta recorrência de compras e à credibilidade conquistada junto aos clientes, ajudam a explicar a boa performance. Hoje, a Americanas é uma das cinco marcas mais influentes do Brasil, segundo pesquisa divulgada em abril pelo Instituto de Pesquisa de Mercado e Opinião Pública (Ipsos), sendo a primeira marca brasileira no ranking.

Ouvidos atentos

A companhia inaugurou 28 novas lojas em 2022, totalizando 3.581 unidades. Como resultado, no primeiro trimestre de 2022, quase 35% das entregas foram realizadas em até 3 horas. Um ano atrás, esse percentual era de 14%. Além da infraestrutura das lojas para reduzir tempo e custo de entrega, também investiu em inteligência artificial e análise de dados para otimizar fluxos e processos.

“O momento desafiador do cenário econômico exige que sejamos ainda mais eficientes na busca contínua do equilíbrio das principais variáveis operacionais e financeiras do nosso negócio. Somos conscientes do nosso papel social e da nossa relevância na relação com colaboradores, clientes, fornecedores, sellers, merchants, franqueados, entre outros parceiros estratégicos. Mantivemos a rotina de proximidade e com ouvidos atentos para encontrar as melhores soluções para todos os participantes de nosso ecossistema”, afirmou o CEO da Americanas, Miguel Gutierrez.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Pergunte para a

Mônica.

©2017-2020 Money Report. Todos os direitos reservados. Money Report preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe.