PATROCINADORES

O que muda com a Nova Lei de Falências

MONEY REPORT conversou com Daniel Báril, do Silveiro Advogados, de Porto Alegre, que explica alguns dos principais aspectos da Nova Lei de Falência, que entrou em vigor em janeiro. Báril relata que o dispositivo legal acabou sendo modernizador, facilitando a vida das empresas e dos credores nos três campos da insolvência: a falência e as recuperações judicial e extrajudicial. “Uma lei como essa é muito sensível, pois há interesses conflituosos entre Fazenda, fornecedores, bancos e recuperandas”, diz. Parte dos vetos do presidente podem ser revistos pelo Congresso, mas o que fica claro é que a nova lei consolida parte dos mecanismos de renegociação já adotados pela Justiça, além de apresentar novidades que ainda serão consolidadas. “O ponto mais sensível é fazer o mercado ver com bons olhos qualquer ativo”.

Daniel Báril, do Silveiro Advogados

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

1 + 3 =

Pergunte para a

Mônica.