Document
PATROCINADORES

M&As no Brasil estão aquecidas no middle market, contam os gêmeos da RGS

MONEY TALKS entrevista os irmãos Renato e Guilherme Stuart, fundadores da RGS Partners, uma assessoria boutique focada em fusões e aquisições de middle market, que concentra ativos entre R$ 50 milhões e R$ 500 milhões. Em vez de focar no sucesso da empresa e na expansão promissora, ambos ressaltam que as M&A são uma alternativa externa que até podem ser consideradas improváveis, dependendo do grau de maturidade de uma organização, afinal são poucos que desejam dividir ou se desfazer de um negócio lucrativo. Daí a riqueza da conversa com a dupla. “Estamos em um momento extremamente aquecido”, diz Guilherme, lembrando que o cenário mudou rapidamente em poucos anos. “Temos que ficar atentos para onde os fundos de private equity e as empresas capitalizadas estão olhando. E também conferir o cenário externo”, emenda Renato. Tudo sem deixar de alertar os clientes para as potenciais armadilhas, já que é preciso uma boa dose de auditoria para garantir o sucesso desse tipo de operação. Acompanhe:

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Uma resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.