PATROCINADORES

Temer libera 100% de capital estrangeiro em aéreas brasileiras

O presidente Michel Temer (MDB) autorizou nesta quinta-feira (13), por meio de Medida Provisória (MP), que até 100% de capital estrangeiro seja aplicado em companhias áreas brasileiras. Segundo a MP, desde que a empresa seja 100% nacional, não importa a origem do capital. “Isto resolve um dos principais problemas da aviação brasileira, que é a fonte de financiamento para as companhias de aviação”, disse o ministro-chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha. A MP de Temer entrará em vigor imediatamente, mas depois será analisada pelo Congresso Nacional, que tem até 120 dias para votar o texto. O assunto já vinha sendo discutido no Congresso Nacional, mas nunca avançou por falta de acordo entre parlamentares. Pela regra anterior, era permitido até 20% de capital estrangeiro nas aéreas brasileiras.

Por que é importante

A Medida Provisória de Temer vem após a Avianca entrar com pedido de recuperação judicial na terça-feira (11)

Quem ganha

A Avianca e outras companhias áreas que passam por problemas financeiros

Quem perde

Parlamentares que são contra capital estrangeiro nas companhias aéreas brasileiras

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Uma resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dois + 1 =

Pergunte para a

Mônica.