PATROCINADORES

Setor de serviços interrompe sequência de quedas

O setor de serviços brasileiro surpreendeu e subiu mais que o esperado em novembro, interrompendo quatro meses seguidos de queda, sobretudo por conta da atividade voltada para as famílias e do setor de informação e comunicação, em meio ao cenário de inflação e juros menores. O volume de serviços cresceu 1% em novembro na comparação com outubro (série com ajuste sazonal), maior avanço mensal desde junho passado (1,3%), informou o IBGE. Ante ao mesmo mês do ano anterior, no entanto, o setor recuou 0,7% (série sem ajuste sazonal). A taxa acumulada no ano ficou em -3,2%.

Por que é importante

A inflação e os juros baixos vêm ajudando a economia brasileira a se recuperar de forma gradual após dois anos de recessão ao estimular o consumo

Quem ganha

A equipe econômica do governo

Quem perde

Nos resultados regionais com ajuste sazonal, os maiores recuos foram registrados no Acre (6,6%), Rondônia (5,8%) e Mato Grosso (5,0%)

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

oito − cinco =

Pergunte para a

Mônica.