Document
PATROCINADORES

PIB brasileiro cresce 1% em 2017, após dois anos de recessão

O IBGE divulgou nesta quinta-feira (1°) que o Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro cresceu 1% em 2017 em relação a 2016 – após duas quedas consecutivas, ambas de 3,5%, em 2015 e 2016. Na comparação, houve altas na Agropecuária (13%) e nos Serviços (0,3%), e estabilidade na Indústria (0%). O PIB totalizou R$ 6,6 trilhões no ano passado. O volume dos impostos sobre produtos e serviços, em especial o ICMS, o IPI e o imposto de importação, contribuiu com R$ 991,4 bilhões para o crescimento do PIB no ano. A taxa de investimento foi de 15,6% do PIB, abaixo do observado no ano anterior (16,1%), e a taxa de poupança foi de 14,8% (ante 13,9% em 2016). O PIB per capita teve avanço de 0,2% em termos reais, alcançando R$ 31.587. O PIB per capita é definido como a divisão do valor corrente do PIB pela população residente no meio do ano.

Por que é importante

O IBGE confirma a retomada da economia brasileira

Quem ganha

A equipe econômica do governo, que conseguiu tirar o país da recessão

Quem perde

A construção teve a maior retração entre as atividades (-5%)

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.