PATROCINADORES

Nas redes sociais, população aprova greve dos caminhoneiros

O protesto dos caminhoneiros é um dos assuntos mais comentados do país nas redes sociais desde a última segunda-feira (21). Levantamento feito a pedido do jornal Folha de S. Paulo pelo Torabit, sistema de monitoramento e gestão digital, mostra que 52,2% das menções são positivas em relação ao movimento, 37,8% são neutras e apenas 10% são negativas.

Por que é importante

As redes sociais são termômetros para saber o que a população está pensando sobre a paralisação dos caminhoneiros

Quem ganha

Os grevistas, já que o apelo popular pode influenciar na continuidade dos atos

Quem perde

O governo, sem sucesso também na batalha da comunicação

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezoito − dez =

Pergunte para a

Mônica.