PATROCINADORES

Indicador antecedente de emprego tem 8º recuo seguido

A Fundação Getulio Vargas divulgou nesta quinta-feira (8) que Indicador Antecedente de Emprego (Iaemp) recuou 0,2 ponto em outubro e atingiu 90,8 pontos – em uma escala de zero a 200 pontos. Foi o oitavo mês consecutivo de queda do indicador, que retorna ao patamar de dezembro de 2016 (90 pontos). “O IAEmp teve mais um recuo, mostrando a continuação do processo de ajuste de expectativas. O recuo do IAEmp mostra a reversão do otimismo quanto ao dinamismo da atividade econômica que teve desempenho abaixo do esperado em 2018. Além disso, ainda existe a incerteza quanto ao crescimento em 2019”, comentou Fernando de Holanda Barbosa Filho, economista da FGV.

Por que é importante

O indicador tenta antecipar tendências do mercado de trabalho com base em entrevistas com consumidores e empresários da indústria e dos serviços

Quem ganha

A agenda reformista. Os governantes eleitos têm o desafio de equilibrar as contas públicas, desburocratizar os processos e garantir estabilidade para que novos investimentos aqueçam a economia brasileira

Quem perde

As contratações nos próximos meses

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

14 − oito =

Pergunte para a

Mônica.