PATROCINADORES

IBGE: Produção industrial cresce em sete regiões brasileiras

A produção industrial em março cresceu em sete dos 15 locais pesquisados, informou nesta quarta-feira (9) o IBGE. Pará (9,0%), Mato Grosso (4,7%), Espírito Santo (2,8%), Amazonas (2,6%) e São Paulo (2,0%) registraram os maiores avanços no mês, após os resultados negativos no mês anterior: -11,0%, -4,5%, -0,9%, -6,5% e -0,5%, respectivamente. As demais taxas positivas foram assinaladas em Goiás (1,2%) e Pernambuco (0,2%). Os recuos mais acentuados foram registrados na Bahia (-4,5%), Rio de Janeiro (-3,7%) e Região Nordeste (-3,6%). Santa Catarina (-1,2%), Rio Grande do Sul (-0,9%), Paraná (-0,9%), Minas Gerais (-0,5%) e Ceará (-0,2%) completaram o conjunto de locais com índices negativos em março.

Por que é importante

O IBGE já havia divulgado anteriormente que a produção industrial no Brasil caiu 0,1% na passagem de fevereiro para março

Quem ganha

O Pará, influenciado pelo bom desempenho da indústria extrativa

Quem perde

A Bahia, motivada por quedas na produção de produtos químicos, derivados do petróleo e combustíveis

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

treze + dezenove =