Document
PATROCINADORES

FGV: Indicador aponta menor disposição para contratar

A Fundação Getulio Vargas divulgou nesta quinta-feira (7) que o Indicador Antecedente de Emprego (IAEmp) recuou 2,5 pontos entre abril e maio, para 101,1 pontos. A queda de maio é a terceira consecutiva do indicador, o que não ocorria desde o início de 2015. “Os últimos dados divulgados da economia brasileira surpreenderam negativamente. Com isso, estão sendo revisados para baixo a taxa de crescimento do país que impacta diretamente a contratação. Neste cenário, o IAEmp reflete a percepção de que tanto a situação dos negócios quanto a disposição de contratar tendem a ser menores nos próximos meses”, afirmou Fernando de Holanda Barbosa Filho, economista da FGV IBRE.

Por que é importante

O IAEmp antecipa os rumos do mercado de trabalho no Brasil

Quem ganha

Ninguém. O menor otimismo afeta o crescimento da economia

Quem perde

Os desempregados, que estão reticentes com relação ao futuro

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.