Document
PATROCINADORES

Engenheiros que atestaram segurança de barragem são presos

O Ministério Público de São Paulo e a Polícia Civil cumprem na manhã desta terça-feira (29) mandados de prisão contra engenheiros que atestaram a segurança da barragem em Brumadinho (MG) que rompeu na última sexta-feira (25). Cinco pessoas foram detidas. As investigações apontam para suspeita de fraude em documentos. Além disso, a Polícia Federal em São Paulo cumpre mandados de busca e apreensão em empresas que prestaram serviços à Vale. Os nomes não foram informados. A tragédia em Brumadinho deixou, até o momento, 65 mortos e 279 desaparecidos.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

2 respostas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.