Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
Scroll to top

Top

Nenhum comentário

Bolsonaro: não é o momento de aumentar salário do Judiciário

Bolsonaro: não é o momento de aumentar salário do Judiciário

Em encontro com o comando da Aeronáutica nesta quarta-feira (7), em Brasília, o presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL), disse que agora não é o momento de reajustar o salário de integrantes do Poder Judiciário. “Agora não é momento. Nós estamos terminando um ano com déficit, vamos começar o outro ano com déficit”, disse Bolsonaro. A declaração de Bolsonaro vem após o presidente do Senado, Eunício Oliveira (MDB), incluir na pauta do Congresso projeto de Lei para aumentar o salário dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF). Bolsonaro ainda mandou um recado ao Judiciário: “No meu entender, em um gesto de grandeza, com toda a certeza (o Poder Judiciário) não fará tanta pressão assim por esse aumento de despesa agora”. Hoje, um ministro do STF recebe R$ 33 mil. Se aprovado o projeto de Lei, passará para R$ 39 mil.

Por que é importante
Encarada como a primeira pauta-bomba para o governo Bolsonaro, o projeto de Lei, se aprovado, deve gerar efeito cascata para todos os outros cargos do Poder Judiciário, incluindo para o cargo de procurador-geral da República
Quem ganha
A economia do país. Segundo previsão do Ministério da Fazenda, o déficit das contas públicas deve ser de R$ 148 bilhões neste ano
Quem perde
O Poder Judiciário

Envie seu comentário