Document
PATROCINADORES

Alckmin usa greve para defender privatização de linhas do metrô

A greve desta quinta-feira (18) dos metroviários de São Paulo serviu de trampolim para o governador do Estado, Geraldo Alckmin (PSDB), defender a privatização de linhas do metrô. “(A greve) reforça a convicção de que está correta a concessão da linha 5 e da linha 17 do metrô”, disse o tucano em vídeo publicado no Facebook. Ele citou ainda que a linha 4 (Amarela), que pertence à iniciativa privada, era a única que operava totalmente hoje.

Por que é importante

O jornal Valor Econômico, na edição de hoje, publicou que o leilão de concessão das duas linhas deve atrair poucos grupos devido a limitações de empresas brasileiras

Quem ganha

A CCR é a única presença certa na concorrência, segundo o Valor

Quem perde

O movimento grevista. A fala indica que o governador deve avançar com as privatizações

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.