Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
Scroll to top

Top

1 comentário

Ibovespa volta a cair e retorna aos 94 mil pontos; dólar sobe

Ibovespa volta a cair e retorna aos 94 mil pontos; dólar sobe

O Ibovespa encerrou esta segunda-feira (11) com a quarta queda nos últimos cinco pregões, voltando ao patamar dos 94 mil pontos após superar os 98 mil pontos na semana passada, em sua máxima histórica. O principal índice da bolsa brasileira fechou o dia com queda de 0,98%, aos 94.413 pontos, após ter recuado 2,57% na semana passada.

O desempenho dos negócios na B3 foi inferior ao registrado nas principais bolsas globais. Nos Estados Unidos, o índice Nasdaq subia levemente (0,05%), enquanto o S&P 500 operava estável e o Dow Jones recuava (-0,27%). O alemão DAX (0,99%), o FTSE londrino (0,82%) e a Euro Stoxx (0,96%) fecharam em alta, mesmo resultado das principais bolsas asiáticas, com exceção da japonesa (-2,01%).

Entre as cinco ações mais negociadas da sessão no Brasil, quatro fecharam em queda: Vale (-2,64%), preferenciais da Petrobras (-1,15%), Itaú Unibanco (-1,13%) e Banco do Brasil (-2,96%). Os papeis da Ambev subiram com força (2,69%). A petroleira foi prejudicada pela desvalorização do petróleo tipo Brent (-0,98%) e WTI (-0,63%). O dólar comercial avançou 0,79%, negociado por R$ 3,76.

Por que é importante
Após subir 10,82% em janeiro, o Ibovespa recua 3,42% em fevereiro, em um misto de realização de lucros e dúvidas em relação ao avanço da reforma da Previdência
Quem ganha
As ações da Cielo registraram a maior alta do dia: 4,34%, cotadas a R$ 11,06
Quem perde
As ações da Sabesp registraram a maior baixa do dia: 9,34%, cotadas a R$ 38,25

Comentários

Envie seu comentário