PATROCINADORES

Vale e bancos asseguram ganhos em meio a tensão global

O Ibovespa fechou em alta de 1,11% nesta terça-feira (2), aos 103.361 pontos. É o melhor patamar do índice nacional desde 10 de junho (105.481 pontos). O dólar subiu 1,94%, cotado a R$ 5,27 no encerramento, maior alta da moeda norte-americana desde 11 de julho (1,95%). Os investidores buscam segurança no mercado diante de mais uma crise geopolítica, dessa vez entre duas potências: China e Estados Unidos. A tensão foi marcada pela visita da presidente da Câmara dos Deputados dos EUA, Nancy Pelosi, a Taiwan. O Ministério da Defesa da China comunicou que militares foram colocados em alerta máximo e lançarão operações militares direcionadas em resposta à visita de Pelosi. Por aqui, a expectativa é pelo anúncio do Comitê de Política Monetária (Copom), que deve elevar a Selic em 0,5 ponto percentual, chegando a 13,75%.

As maiores altas foram da Locaweb (8,72%) e Hapvida (5,23%). As baixas, Via Varejo (-3,69%) e Cyrela (-3,02%). Todas as cinco ações mais negociadas apresentaram evolução: preferenciais da Petrobras (0,45%), Vale (3,19%), preferenciais do Bradesco (1,70%), Petrobras (0,05%) e preferenciais do Itaú Unibanco (1,07%). O volume negociado foi de R$ 20,38 bilhões.

Compartilhe

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Pergunte para a

Mônica.

©2017-2020 Money Report. Todos os direitos reservados. Money Report preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe.