Document
PATROCINADORES

Mubadala no Rio; terminais alagoanos; estímulo ao crédito

MONEY REPORT mostra as iniciativas e as ideias liberalizantes e modernizadoras ao ambiente de negócios

Leilões, concessões e parcerias

Fundo de Abu Dhabi assume o controle do Metrô do Rio

O Mubadala, fundo soberano de Abu Dhabi, assumiu o controle do Metrô do Rio de Janeiro que pertencia à Invepar (holding de infraestrutura e transportes controlada pelos fundos de pensão Previ, Funcef e Petros). A operação foi avaliada em R$ 1,8 bilhão, houve troca de parte da dívida da Invepar com o Mubadala por ações dos metrôs Rio e Barra.

Empat e Intersal arrematam terminais portuários de Alagoas

Dois terminais portuários na região Nordeste foram concedidos pelo governo federal. O de Maceió (AL) que movimenta cargas de açúcar, o outro, é o Terminal Salineiro de Areia Branca (RN), um porto-ilha.

Petrobras conclui vendas de duas elétricas

Foi concluída pela Petrobras a venda de 20% de suas ações na Termelétrica Potiguar e de 40% na Companhia Energética Manauara para a Global Participações Energia (GPE) por meio de suas subsidiárias GFT Participações e GFM Participações, respectivamente. Por sua participação acionária, a estatal recebeu R$ 155,6 milhões, já com os ajustes previstos nos contratos, sendo R$ 79,4 milhões pela Termelétrica Potiguar e R$ 76,2 milhões pela Companhia Energética Manauara (CEM).

___________________________________________

Informe Publicitário

_______________________________________________

Política

Congresso cria o Programa de Estímulo ao Crédito

A Câmara aprovou duas emendas do Senado da medida provisória (MP) 1057/21 que reedita um programa de crédito direcionado a micro e pequenos empresários pelo qual os bancos fazem empréstimos sob seu risco em troca de créditos presumidos a serem usados para diminuir tributos. Dessa forma, foi criado o Programa de Estímulo ao Crédito que pretende estimular os bancos a realizarem esses empréstimos até 31 de dezembro de 2021.

Instituto Mises

Gargalos? A inflação geral de preços sempre é um fenômeno monetário

No Brasil, a nossa banheira inflacionária está começando a transbordar. A justificativa apresentada é que esta inflação de preços se deve a “choques de oferta” e a “gargalos nas cadeias de suprimento“. Embora de fato haja alguns gargalos que afetam produtos específicos, também é fato que não há como um choque localizado produzir um aumento generalizado de preços. Só é possível ocorrer um aumento generalizado de preços, se a quantidade de dinheiro dentro da economia estiver aumentando.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.