Document
PATROCINADORES
PATROCINADORES

As oportunidades que cercam o evento Person of the Year em Nova York

O evento Person of the Year, promovido pela Brazilian-American Chamber of Commerce, é realizado desde 1970. Neste jantar de gala, são homenageadas duas personalidades que se destacaram no ano, tanto do lado brasileiro como do americano. Por conta da pandemia, a cerimônia de 2020 ocorrerá finalmente na noite de hoje. Luiza Helena Trajano, pelo Brasil, e Virginia Rometty (CEO da IBM), são as escolhidas. Pela primeira vez, duas mulheres serão agraciadas simultaneamente com o prêmio.

De alguns anos para cá, o evento da Câmara acabou estimulando uma agenda paralela com seminários, workshops, jantares e almoços que reúnem o público que vem a Nova York do Brasil. Esta agenda cresceu tanto que a semana em que a homenagem da entidade ganhou o apelido de Brazilian Week.

MONEY REPORT, desde 2018, traz sua comitiva para o POY e também realiza eventos dentro deste período. Em 2022, teremos um debate no dia 10 sobre macroeconomia e sustentabilidade no edifício-sede da Organização das Nações Unidas, em parceria com Aya, iniciativa do empresário Alex Allard e da ex-secretária estadual Patricia Ellen (teremos também como palestrantes Paulo Gala, economista-chefe do Banco Master, e Rafael Tello, diretor do Ambipar Group).

No dia seguinte, realizaremos um almoço com a Solstic Advisors, comandada por Flavio Batel, e um jantar em parceria com o Banco Master, cujas principais lideranças são de Mauricio Quadrado e Daniel Vorcaro. Em 12 de Maio, haverá uma visita de nossa comitiva à NYSE, a bolsa de valores nova-iorquina.

Em 2022, o grupo de MONEY REPORT, em um total que supera 60 empresários e executivos, conta com o principais patrocinadores a Ambipar e o Banco Master. A terceira edição desta série de eventos em Nova York também conta com o patrocínio de BTG Pactual, Carrefour, Grupo Comolatti, Global Forest Bond, Agência Pátria, Promoação, Sinerlog, Solstic e Instituto Ybi – além do apoio de Adobe e da Macquarie.

Nos últimos anos, a quantidade de brasileiros que vem a Nova York para prestigiar a Brazilian-American Chamber cresce substancialmente. Mas muitos acabam vindo à Big Apple apenas para usufruir da agenda que ocorre nos dias próximos à premiação. Praticamente todos os grandes bancos, por exemplo, realizam encontros para oferecer aos seus clientes os mais variados conteúdos e debates de alto nível.

Trata-se de um momento único. CEOs de grandes empresas e fundadores de grandes grupos brasileiros são vistos em restaurantes ou passeando na Quinta Avenida, como turistas anônimos. Essa situação permite aproximações que seriam impossíveis em solo brasileiro. Por isso, muitos investem tempo e dinheiro para obter alguns minutos de atenção dos grandes líderes da iniciativa privada nacional. Afinal, uma oportunidade como essa acontece apenas uma vez por ano. Quem tem uma ideia boa para vender – nem que seja durante um minuto – agarra essa chance com unhas e dentes.

Já vi isso acontecer algumas vezes. E, assim, testemunhar o nascimento de empreitadas de sucesso. Neste ano, certamente ocorrerá a mesma coisa – e veremos novos empreendimentos florescendo por conta destas conversas daqui a alguns meses.

Nestas situações, a capacidade de se comunicar e vender rapidamente um novo conceito de negócios, sem ansiedade ou impetuosidade exagerada, fala mais alto. E os empresários, mais que nunca, estão com os ouvidos abertos para escutar propostas do gênero. Especialmente em um ambiente como o proporcionado pela câmara americana.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

- Informações atualizadas a cada 10 minutos
- Gráfico mostra valor fechado do dia

Pergunte para a

Mônica

Pergunte para a

Mônica.

©2017-2020 Money Report. Todos os direitos reservados. Money Report preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe.