PATROCINADORES

Palestino é morto a tiros ao tentar esfaquear soldado israelense, dizem militares

JERUSALÉM (Reuters) – Soldados israelenses mataram a tiros um palestino que tentou esfaquear um militar na Cisjordânia ocupada nesta segunda-feira, disseram os militares.

O incidente ocorreu em um ponto de ônibus de uma rodovia importante próxima do grande assentamento judeu de Ariel.     

“Um palestino tentou esfaquear um soldado no local. Nossas tropas dispararam contra ele e ele morreu. Não houve baixas entre nossas forças”, informaram os militares em um comunicado.

Segundo reportagens da mídia israelense, dois soldados protegem o ponto de ônibus rotineiramente.

Não surgiu nenhum comentário do lado palestino de imediato.

Os palestinos iniciaram uma onda de ataques com faca e atropelamentos na Cisjordânia e em Israel em 2015, depois que conversas de paz com o Estado judeu fracassaram. Tais incidentes se tornaram mais esporádicos.

Os palestinos querem a Cisjordânia, capturada por Israel na Guerra dos Seis Dias de 1967, como parte de um Estado futuro, e a maioria dos países considera os assentamentos judeus na área ilegais, o que Israel contesta.

(Por Jeffrey Heller)

tagreuters.com2018binary_LYNXNPEE9E0WK-VIEWIMAGE

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

4 × 2 =

Pergunte para a

Mônica.