PATROCINADORES

Explosões de gás em Boston deixam ao menos 1 mortos e forçam milhares a sair de casa

Por Ted Siefer

ANDOVER, Estados Unidos (Reuters) – Uma série de explosões de gás matou ao menos uma pessoa e obrigou cerca de 8 mil moradores a fugirem de suas casas nos arredores de Boston, e nesta sexta-feira ainda não estava claro quando os atingidos poderão voltar para seus lares.

As explosões feriram 12 pessoas e destruíram dezenas de casas e outros edifícios em Andover, North Andover e Lawrence, na quinta-feira.

Os moradores que foram retirados “devem contar que o processo de restauração leve vários dias ou mais”, disse Andrew Maylor, administrador municipal de North Andover, no Twitter.

Bombeiros correram durante horas de um incêndio para outro, e equipes de prestadoras de serviço se apressaram para desligar o gás e a eletricidade para evitar novas explosões. Os bombeiros e estas equipes estavam indo de casa em casa para realizar inspeções de segurança, disseram autoridades.

Cerca de 70 incêndios, explosões ou investigações de cheiro de gás foram relatadas, disse a Polícia Estadual de Massachusetts.

“Obviamente este foi um dia incrivelmente difícil”, disse o governador de Massachusetts, Charlie Baker, em uma coletiva de imprensa na manhã desta sexta-feira.

Leonel Rondon, morador de 18 anos de Lawrence, morreu quando uma explosão derrubou uma chaminé que caiu sobre seu carro, informou a porta-voz do Hospital Geral de Massachusetts. O Hospital Geral de Lawrence disse ter tratado 13 pessoas com problemas que foram da inalação de fumaça a traumatismos causados pela explosão.

Inspetores dos bombeiros suspeitam que a “pressurização excessiva de um duto de gás” da Columbia Gas de Massachusetts provocou as explosões, disse o chefe dos bombeiros de Andover, Michael Mansfield, em uma coletiva de imprensa.

(Reportagem adicional de Ross Kerber e Nate Raymond, em Boston, e Brendan O’Brien, em Milwaukee)

tagreuters.com2018binary_LYNXNPEE8D12C-VIEWIMAGE

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

20 − 14 =

Pergunte para a

Mônica.