PATROCINADORES

Explosão de duto durante roubo de combustível no México mata ao menos 21 pessoas

CIDADE DO MÉXICO (Reuters) – Ao menos 21 pessoas morreram e 71 ficaram feridas na sexta-feira com a explosão de um duto rompido devido à suposta ação de ladrões de combustível na região central do México, enquanto dezenas de pessoas tentavam encher galões, disseram autoridades federais e estaduais.

Imagens da TV mexicana mostraram labaredas se erguendo aos céus no município de Tlahuelilpan, no estado de Hidalgo, ao norte da Cidade do México, enquanto pessoas gritavam por socorro.

O governador de Hidalgo, Omar Fayad, disse à TV mexicana que os serviços de emergência contaram 21 corpos carbonizados, e ao menos outras 71 pessoas ficaram feridas.

Fayad disse que o número de vítimas ainda pode aumentar, a depender do cenário que será encontrado pelas equipes de emergência nos locais em que as chamas foram mais intensas, ainda difíceis de acessar.

Pouco antes da meia-noite, o Ministro da Segurança Pública, Alfonso Durazo, disse que o fogo havia sido controlado, e que o governo precisaria de mais tempo para contabilizar o número final de vítimas.

Imagens publicadas pela emissora Televisa mostraram pessoas com graves queimaduras provocadas pela explosão no momento de chegada de ambulâncias e médicos enviados para atender as vítimas.

O presidente mexicano, Andrés Manual López Obrador, lançou uma extensa repressão ao crescente roubo de combustível, que o governo diz ter custado ao país 3 bilhões de dólares no ano passado.

A explosão foi uma das piores na história recente de um país que tem sofrido com centenas de rupturas ilegais em sua rede de dutos de combustível e gás.

(Reportagem de Dave Graham e Noe Torres)

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

16 + oito =

Pergunte para a

Mônica.