PATROCINADORES

Toshiba e governo japonês conspiraram para prejudicar acionistas estrangeiros

O Ministério do Comércio do Japão conspirou com a Toshiba para influenciar indevidamente os votos de importantes acionistas estrangeiros em 2020, aponta um relatório de investigadores independentes divulgado nesta quinta-feira (10). A revelação marca uma virada na longa batalha entre a companhia japonesa e seus investidores, grupo heterogêneo que inclui o fundo de doações da Universidade de Harvard e ativistas, que usam de suas ações para pressionar internamente a empresa.

As alegações de intervenção levantam sérias dúvidas sobre o quão comprometido o Japão está em se tornar mais aberto ao capital estrangeiro, meta definida pelo ex-primeiro-ministro Shinzo Abe.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.