Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
Scroll to top

Top

Nenhum comentário

Romero Jucá e outros nomes tradicionais ficam fora do Senado

Romero Jucá e outros nomes tradicionais ficam fora do Senado

Os eleitores deixaram fora do Senado alguns dos nomes mais tradicionais da política brasileira. Atual presidente da Casa, Eunício Oliveira (MDB) ficou em terceiro na disputa no Ceará e não se reelegeu. Romero Jucá (MDB), eterno líder dos governos no Senado, também não conseguiu renovar seu mandato. Ele ficou 426 votos atrás do segundo colocado em Roraima. No Paraná, os ex-governadores Roberto Requião (MDB) e Beto Richa (PSDB) foram derrotados. Assim como Eduardo Suplicy (PT) em São Paulo e a ex-presidente Dilma Roussseff (PT), em Minas Gerais. Edison Lobão (MDB), ligado à família Sarney, amargou o quarto lugar no Maranhã. No Rio Grande do Norte, o senador Garibaldi Alves (MDB) também não se reelegeu. Um dos principais aliados de Jair Bolsonaro (PSL), o senador Magno Malta está fora da próxima legislatura. Ele foi derrotado no Espírito Santo.

Envie seu comentário

14 − 1 =