Document
PATROCINADORES
PATROCINADORES

Rejeição é o maior obstáculo à terceira via

A mais recente pesquisa Genial/Quaest sobre as intenções de voto à Presidência da República em 2022 segue com Lula em primeiro e Bolsonaro em segundo, tanto nos cenários espontâneos quanto em quase todos os estimulados. O que há de diferente é a presença em terceiro lugar do ex-juiz federal e ex-ministro da Justiça, Sergio Moro, que surge como vencedor de um segundo turno (34%), se chegar lá contra Bolsonaro (31%). O mesmo vale para Ciro (39%) contra Bolsonaro (34%). João Doria e Rodrigo Pacheco não levariam o segundo turno em nenhum cenário contra Lula ou Bolsonaro. Ciro tem apenas 1% nas intenções espontâneas, enquanto Moro e Doria nem constam.

O que se mostra contra os postulantes da terceira via é justamente o que não poderiam ter, rejeição. Moro enfrenta o segundo maior nível de aversão, com 61%, superado apenas por Bolsonaro, com 64%. Ele é seguido por Doria (59%) e Ciro (55%). Quando se trata de pré-candidatura entre quem conhece e votaria e entre quem poderia votar, Ciro está em terceiro (26%), com Moro em quarto (25%), seguido de Doria (15%). Lula (55%) e Bolsonaro (32%) lideram.

A pesquisa de caráter quantitativo foi realizada entre 2 e 5 dezembro, entrevistando pessoalmente 2.037 brasileiros acima de 16 anos, 53% do sexo feminino e 47% do masculino, residentes em todas as unidades da federação, seguindo os indicativos demográficos do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). A margem de erro é de dois pontos percentuais para cima ou para baixo e o índice de confiança, 95%.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Pergunte para a

Mônica.

©2017-2020 Money Report. Todos os direitos reservados. Money Report preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe.