Document
PATROCINADORES

Reajuste do funcionalismo não cabe na PEC dos Precatórios

O presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL) (imagem), disse nesta quinta-feira (18) que não cabe um reajuste salarial para o funcionalismo público federal no espaço que será aberto no teto de gastos previsto no texto da proposta de emenda à Constituição (PEC) dos Precatórios (PEC) que agora, está no Senado. “Eu absolutamente não vi esse espaço, não conheço esse espaço, os números que foram apresentados pela Economia para a Câmara dos Deputados não previam esse aumento”, afirmou Lira.

A afirmação do parlamentar vem após o presidente Jair Bolsonaro dizer que pretendia usar a folga fiscal gerada pela PEC, caso aprovada, para conceder o reajuste a categoria.

Este é mais um exemplo da falta de comunicação entre o Congresso e o Palácio do Planalto. Em novembro, Lira confirmou que não sabia do decreto do aumento do Imposto sobre Operações Financeiras (IOF), anunciado por Bolsonaro, primeiramente.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.