Document
PATROCINADORES

Raquel Dodge pede ao STF dados sobre Temer obtidos pela PF

A procuradora-geral da República, Raquel Dodge, expediu um ofício solicitando que o Supremo Tribunal Federal (STF) coloque à disposição da procuradoria bens e documentos encontrados pela Polícia Federal na Operação Patmos, que teve como alvo, entre outros, o coronel aposentado João Batista Lima, amigo do presidente Michel Temer, e Rodrigo Rocha Loures, ex-deputado e ex-assessor do presidente. O ofício de Dodge foi assinado no dia 9 de abril e divulgado pela GloboNews nesta segunda-feira (23).

Por que é importante

A PGR quer usar os materiais no chamado inquérito dos Portos, que apura se o presidente Michel Temer editou um decreto a fim de favorecer empresas em troca de propina

Quem ganha

A PGR, que poderá aproveitar os dados para embasar uma terceira denúncia contra o presidente

Quem perde

As pretensões eleitorais de Temer

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.