PATROCINADORES

Polícia Federal pode fechar acordos de delação premiada, define STF

O plenário do STF decidiu nesta quarta-feira (20), por 10 votos a 1, confirmar a validade da autorização legal para que delegados das polícias Civil e Federal possam negociar delações premiadas. Para os ministros, delegados podem usar os depoimentos de colaboração como instrumento de obtenção de provas durante a investigação. Com a decisão do STF, a Justiça poderá decidir sobre a homologação dos acordos.

Por que é importante

A decisão terá impacto nas delações de investigados na Operação Lava Jato que não conseguiram assinar acordos com a força-tarefa de procuradores do Ministério Público e tentaram acordo com a Polícia Federal, como o publicitário Duda Mendonça e o ex-ministro Antônio Palocci

Quem ganha

A Polícia Federal, com mais um instrumento para auxiliar nas investigações

Quem perde

O Ministério Público Federal, que questionava a possibilidade

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

quatro × 2 =

Pergunte para a

Mônica.