Document
PATROCINADORES

Pazuello passa mal e precisa de atendimento; depoimento será retomado na quinta

O depoimento do ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello na CPI da Pandemia foi paralisado no meio da tarde desta quarta-feira (19) em razão do início da sessão no plenário do Senado. A expectativa é que o interrogatório sobre as ações e supostas omissões de Pazuello no enfrentamento à crise sanitária fosse retomado mais tarde, após o fim das votações na Casa. O ex-ministro, no entanto, apresentou uma leve indisposição nos bastidores e precisou de atendimento. Ele foi auxiliado pelo senador Otto Alencar (PSD-BA), que é médico. “Quando cheguei, ele estava com uma síndrome vasovagal típica, perdeu sangue do cérebro, estava muito pálido, acontece muito isso, já aconteceu aqui. Quando o vi assim peguei, coloquei num sofá, deitado com as pernas para cima, para o sangue voltar pro cérebro. Isso acontece muito com as pessoas que ficam muito tempo em pé, às vezes se emocionam um pouco, não pode deixar de atender.”, disse Alencar em entrevista à GloboNews. Diante da situação e pelo elevado número de parlamentares ainda inscritos para questionar o general, o presidente da CPI, Omar Aziz (PSD-AM) decidiu adiar a audiência e retomar os trabalhos na manhã de quinta-feira (20).

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Uma resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.