Document
PATROCINADORES

Parlamento da Venezuela rejeita 2º mandato de Maduro

O Parlamento da Venezuela declarou neste sábado (5) que o novo mandato de Nicolás Maduro como presidente da Venezuela é “ilegítimo”. Controlado pela oposição, o Parlamento venezuelano considera que Maduro é “usurpador” do cargo de presidente – que terá início na próxima quinta-feira. A decisão do parlamento não deve ter muitos efeitos, visto que Maduro considera legítima apenas a Assembleia Constituinte, formada em 2017 e governista. A oposição considera que a eleição dessa Assembleia foi convocada com o objetivo de favorecer e perpetuar Maduro no poder.

Por que é importante

A decisão do Parlamento vem após o Grupo de Lima, com apoio dos Estados Unidos, ter pedido que Maduro não tome posse e deixe o mandato a cargo do poder Legislativo

Quem ganha

Maduro, que deve continuar como presidente da Venezuela

Quem perde

A população do país, que segue vivendo sob insegurança política e profunda crise econômica

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.