Document
PATROCINADORES

Na cúpula do G20, chanceler tenta atrair farmacêuticas

O ministro das Relações Exteriores, Carlos Alberto França (imagem), aproveitou a Cúpula Global de Saúde do G20 (grupo das 20 maiores economias mundiais), que ocorre de modo virtual nesta sexta-feira (21), para tentar atrair investimentos de empresas farmacêuticas internacionais. Ele declarou que a cooperação internacional será essencial para que o mundo supere a pandemia da covid-19.

“Estamos prontos para firmar novas parcerias com empresas interessadas em produzir no Brasil, beneficiando-se de nossas instalações industriais, força de trabalho e experiência no desenvolvimento, produção e distribuição de vacinas”, disse França na abertura do evento.

França citou as vantagens do Brasil, que possui um dos maiores serviços de saúde pública do mundo, o Sistema Único de Saúde (SUS), e capacidade para ampliar produção nacional, com o Complexo Industrial de Biotecnologia em Saúde, que a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) e a Companhia de Desenvolvimento Industrial do Estado do Rio de Janeiro (Codin) constroem em Santa Cruz, na zona oeste da cidade do Rio de Janeiro.

(com Agência Brasil)

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Uma resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.