PATROCINADORES

Mudanças na Caixa é novo entrave na aprovação da Previdência

O afastamento de quatro vice-presidentes da Caixa, determinado pelo presidente Temer após recomendação do Ministério Público Federal, promete dar mais trabalho ao governo. A base aliada não está satisfeita que a escolha dos substitutos será feita pela Conselho de Administração da Caixa. Sem a chance de negociar os cargos com o presidente, líderes partidários já admitem que a situação enfraquece a articulação para votar a Previdência e que a reforma dificilmente será aprovada.
Leia também:
Caixa nomeia substitutos interinos para vices afastados

Por que é importante

Os vice-presidentes afastados são investigados pela Polícia Federal e pelo Ministério Público

Quem ganha

A área técnica do banco, que será responsável pelas novas indicações

Quem perde

Partidos e o governo, que usam os cargos na Caixa para apadrinhar aliados e conseguir votos no Congresso, respectivamente

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

1 × um =

Pergunte para a

Mônica.