PATROCINADORES

Maioria do STF rejeita recurso contra a prisão de Lula

A maioria dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) votou contra recurso apresentado pela defesa de Lula, que pedia a liberdade do ex-presidente, preso em Curitiba desde abril. A votação realizada no plenário virtual do tribunal (plataforma digital em que só os ministros têm acesso) registrava até esta sexta-feira (14) sete votos contra o recurso – dos ministros Dias Toffoli, Edson Fachin, Cármen Lúcia, Alexandre de Moraes, Luís Roberto Barroso, Rosa Weber e Gilmar Mendes. Apenas Marco Aurélio Mello votou a favor do petista. Porém, como o ministro Ricardo Lewandowski pediu vista do julgamento, o novo presidente do Supremo, Dias Toffoli, deve levar a análise do recurso para ser votada no plenário, o que obriga todos integrantes da corte a votar novamente.

Por que é importante

Apesar da chance de livrar Lula da prisão ser remota, o nome do ex-presidente, principal cabo eleitoral de Fernando Haddad (PT) na eleição, continua em evidência na mídia

Quem ganha

Lula, já que o julgamento volta à estaca zero ao ser submetida ao plenário do STF

Quem perde

A justiça brasileira, que demora para definir a situação de Lula em definitivo

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

um × 2 =

Pergunte para a

Mônica.