Document
PATROCINADORES

Maia rebate Guedes: “está desequilibrado”

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e o ministro da Economia, Paulo Guedes, voltaram a dar declarações reforçando que a relação entre eles está bastante abalada. No Twitter, Maia questionou Guedes sobre o motivo de o ministro ter interditado o debate da reforma tributária (veja abaixo). Na resposta, em uma transmissão ao vivo pela internet, Guedes sugeriu uma aliança de Maia com a esquerda para travar a agenda de privatizações. “Há boatos de que haveria um acordo do presidente da Câmara com a esquerda para não pautar as privatizações. Nós precisamos retomar as privatizações, temos que seguir com as reformas”, disse o ministro. Ao repercutir o comentário, Maia insinuou que o ministro está balançando no cargo. “Paulo Guedes está desequilibrado. Recomendo ao ministro assistir o filme ‘A Queda'”, afirmou, mencionando a produção que retrata as últimas horas de Adolf Hitler à frente da Alemanha nazista.

Por que é importante

A briga pública entre Paulo Guedes e Rodrigo Maia pode atrasar a discussão de projetos econômicos importantes na Câmara, como a reforma tributária e as privatizações

Quem ganha

Os críticos de Guedes, que aproveitam a situação para fritar ainda mais o ministro no cargo

Quem perde

A recuperação econômica em geral, que pode ser afetada pelo clima conturbado

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Pergunte para a

Mônica.