Document
PATROCINADORES

Maia descarta apoiar chapa presidencial com Moro

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), rejeitou nesta segunda-feira (9) a possibilidade de apoiar uma eventual candidatura de Sergio Moro à Presidência da República. Em entrevista à coluna da Mônica Bergamo, na Folha de S. Paulo, Maia descartou até mesmo a chance de endossar uma chapa com a presença do ex-ministro. “Não posso apoiar uma chapa integrada por alguém de extrema direita”, afirmou. “Moro já defendeu ideias e divide a parte do eleitorado de extrema direita com (o presidente Jair) Bolsonaro. Por isso ele cai nas pesquisas quando disputa com o presidente”, acrescentou. A fala do presidente da Câmara ocorre em um momento em que o ex-ministro busca uma aproximação com o apresentador Luciano Huck de olho na eleição de 2022.

Por que é importante

Um dos líderes do DEM, Rodrigo Maia sinaliza que o partido pode ficar de fora de uma possível aliança entre Sergio Moro e Luciano Huck

Quem ganha

João Doria (PSDB). O tucano seria o favorito para receber um provável apoio de Maia - e do DEM

Quem perde

Moro e Huck, que enfrentarão dificuldades para formalizar uma frente ampla com integrantes da direita e centro

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Pergunte para a

Mônica.