Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
Scroll to top

Top

Lava Jato pede 80 anos de prisão a ex-diretor da Dersa

Lava Jato pede 80 anos de prisão a ex-diretor da Dersa

A força-tarefa da Operação Lava Jato em São Paulo pediu a pena de 80 anos de prisão para o ex-diretor de engenharia da Dersa Paulo Vieira de Souza por desvios de R$ 7 milhões em obras do Rodoanel. Paulo Preto, como é conhecido, é apontado como líder do esquema e acusado pelos crimes de peculato (desvio de recursos públicos), inserção de dados falsos em sistema de informação e formação de quadrilha.

Por que é importante
Paulo Preto é apontado como suposto operador de propinas que teriam abastecido campanhas eleitorais do PSDB em São Paulo
Quem ganha
A força-tarefa da Lava Jato no estado, que reforça as acusações contra Paulo Preto
Quem perde
O ex-diretor da Dersa, que pode ser condenado em breve