Document
PATROCINADORES

Lava-Jato diz que decisão do STF pode anular 32 sentenças

A força-tarefa da Operação Lava-Jato em Curitiba (PR) mostrou preocupação com a decisão da Segunda Turma do STF de anular a condenação de Aldemir Bendine (ex-presidente da Petrobras e do Banco do Brasil). Os ministros, por 3 votos a 2, consideraram que houve uma falha nas alegações finais do processo, já que Bendine não foi autorizado a entregar sua defesa após os delatores que faziam acusações contra ele. Segundo a força-tarefa, o entendimento do colegiado abre um precedente, que se for estendido para outros casos, poderá levar à anulação de 32 sentenças envolvendo 143 dos 162 réus condenados na operação.

Por que é importante

A decisão desta semana do STF foi a primeira vez em que a Corte reverteu uma condenação do ex-juiz Sergio Moro (atual ministro da Justiça e Segurança Pública)

Quem ganha

Réus condenados no âmbito da operação, como o ex-presidente Lula

Quem perde

A força-tarefa, que vai recorrer da decisão da Segunda Turma

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Pergunte para a

Mônica.