PATROCINADORES

Guedes: “Não se assustem se alguém pedir o AI-5”

O ministro Paulo Guedes (Economia) disse na segunda-feira (25) que o governo considera desacelerar o ritmo das reformas por conta dos protestos em países da América do Sul e o receio de as turbulências atingirem o Brasil. Em entrevista a jornalistas nos Estados Unidos, Guedes reclamou diretamente da postura do ex-presidente Lula, que defendeu a polarização e que a população saia às ruas contra a agenda econômica do governo.

“É irresponsável chamar alguém pra rua agora pra fazer quebradeira. Pra dizer que tem que tomar o poder. Se você acredita numa democracia, quem acredita numa democracia espera vencer e ser eleito. Não chama ninguém pra quebrar nada na rua. Este é o recado pra quem está ao vivo no Brasil inteiro. Sejam responsáveis, pratiquem a democracia. Ou democracia é só quando o seu lado ganha? Quando o outro lado ganha, com dez meses você já chama todo mundo pra quebrar a rua? Que responsabilidade é essa? Não se assustem, então, se alguém pedir o AI-5. Já não aconteceu uma vez? Ou foi diferente? Levando o povo pra rua pra quebrar tudo. Isso é estúpido, é burro, não está à altura da nossa tradição democrática”, disse Guedes.

O ministro fez referência ao ato institucional que ampliou a censura e permitiu ao regime militar intensificar a repressão.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.