Document
PATROCINADORES

Governo chinês flexibiliza política do filho único

A China vai flexibilizar a política de controle de natalidade para que todos os casais possam ter até três filhos, informou a agência oficial Xinhua nesta segunda-feira (31). Em 2015, o governo já havia permitido oficialmente até dois filhos para alguns casais. A mudança ocorre poucas semanas após o censo demográfico apontar o quarto ano consecutivo de queda na natalidade.

Cerca de 12 milhões de crianças nasceram na China em 2020, contra 14,16 milhões no ano anterior – encolhimento de 18%. O receio é que a população caia de modo acelerado demais, prejudicando o desenvolvimento. O censo mostrou um aumento sensível da população acima dos 60 anos, que no fim de 2020 perfazia 18,7% dos chineses. Em 2010, eles eram 13,3%.

As autoridades chinesas tentam se comprometer em melhorar as políticas de licença maternidade e proteção dos direitos das trabalhadoras com filhos. Haverá também um nova política tributária e habitacional para as famílias. No passado, quem tinha mais de um filho pagava mais impostos ou tinha facilidades reduzidas.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.